Bactérias em UTI podem persistir após assepsia.



Se você acredita que álcool gel é suficiente para eliminar microrganismos, ficará surpreso ao ler a reportagem “Bactérias em UTI”.


Um estudo recente indicou a presença de microrganismos em colchões, grades da cama, teclados de computadores e aparelhos como bombas de inalação, respiradores e telefones celulares das equipes médicas de uma UTI, mesmo após a adoção dos procedimentos de higienização.


A limpeza feita com panos embebidos em substâncias antimicrobianas de ação ampla não bastou para eliminar totalmente os microrganismos das UTIs, indicando resistência das bactérias aos procedimentos diários de assepsia em um hospital.


HEALS Educação, mantendo você bem informado 😉


Fonte: https://revistapesquisa.fapesp.br/2019/10/07/bacterias-em-uti/


#educacao #capacitacaoprofissional #desenvolvimentohumano #aprimoramento #coach #softskills #liderança #farmacia #nutricao #enfermagem #medicina #estetica #radiologia #biomedicina #quimica #biologia #fisioterapia #fitoterapia #plantasmedicinais #farmaciaclinica #farmacoterapia #healseducacao #assepsia #bacteria #bacteriasuperresistente #infeccaohospitalar #infeccaouti

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo