Formulações antissépticas de álcool etílico e álcool isopropílico são eficazes contra o coronavírus.



Quando usados corretamente, ambos os desinfetantes para as mãos à base de álcool recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) são eficazes contra o novo coronavírus Sars-Cov-2, conforme confirmado por uma equipe de pesquisa internacional chefiada pela professora Stephanie Pfänder do Departamento de Virologia Médica e Molecular, na Ruhr-Universität Bochum (RUB). A revista Emerging Infectious Diseases publicou o artigo relevante em sua edição online em 13 de abril de 2020.


Os pesquisadores expuseram os vírus Sars-Cov-2 por 30 segundos às formulações desinfetantes recomendadas pela OMS. "Esse prazo foi escolhido com base nas recomendações para desinfetantes para as mãos", diz Stephanie Pfänder.


Posteriormente, a equipe testou os vírus em ensaios de cultura de células e analisou quantos vírus permaneciam infectantes. "Mostramos que ambas as formulações recomendadas pela OMS desativam suficientemente o vírus após 30 segundos", como Stephanie Pfänder resume os resultados. Além disso, isso não se aplica apenas às soluções da OMS; ao contrário, seus principais componentes, os álcoois etílico e isopropílico, também mostraram inativação adequada do vírus.


A primeira formulação recomendada pela OMS consiste em 80% em volume de etanol, 1,45% em volume de glicerina e 0,125% em volume de peróxido de hidrogênio. A segunda fórmula consiste em 75% em volume de isopropanol, 1,45% em volume de glicerina e 0,125% em volume de peróxido de hidrogênio (os volumes se completam com água purificada).


Artigo original, publicado na página do CDC: Kratzel A, Todt D, V’kovski P, Steiner S, Gultrom M, Thao TTN, et al. Inactivation of severe acute respiratory syndrome coronavirus 2 by WHO-recommended hand rub formulations and alcohols. Emerg Infect Dis. 2020. https://wwwnc.cdc.gov/eid/article/26/7/20-0915_article


No Brasil, a ANVISA publicou um material denominado Orientações Gerais para Produção de Formulações Antissépticas Alcoólicas, trazendo as mesmas formulações, bem como a técnica de preparo, observando-se as Boas Práticas de Fabricação – BPF. A publicação também traz as formulações de álcool em gel, segundo a Farmacopeia Brasileira. É um recurso interessante para hospitais e farmácias de manipulação incrementarem seus estoques, tão necessários nos dias atuais.


HEALS Educação, mantendo você sempre bem informado 😉


Acesse o site e conheça nossos cursos  https://www.healseducacao.com.br/


Fonte:

http://portal.anvisa.gov.br/documents/219201/4340788/Orienta%C3%A7%C3%B5es+para+produzir+%C3%A1lcool+gel/32afa23c-8d7b-4615-9f74-d1dc407b1aa3


#educacao#capacitacaoprofissional#desenvolvimentohumano#aprimoramento#coach#softskills#liderança#farmacia#nutricao#enfermagem#medicina#estetica#radiologia#biomedicina#quimica#biologia#fisioterapia#fitoterapia#plantasmedicinais#farmaciaclinica#farmacoterapia#healseducacao #covid19 #coronavirus #sepuderfiqueemcasa #antisseptico #alcool

2 visualizações0 comentário