Ibuprofeno, Diclofenaco e Anti-inflamatórios: Aumento do Risco de Parada Cardíaca.




Um estudo publicado esta semana na revista European Heart Journal concluiu que o ibuprofeno aumenta em 31% o risco de parada cardíaca. A mesma pesquisa indicou que outros fármacos do mesmo tipo, anti-inflamatórios não esteroidais (AINE) apresentam um risco ainda maior.


Segundo um estudo realizado na Dinamarca, pesquisadores apontam que o Diclofenaco aumenta em mais de 50% o riso de parada cardíaca e o Ibuprofeno, em mais de 30%. O estudo sugere que estes medicamentos sejam restritos e em doses muito limitadas. Segundo os autores, o AINE mais seguro seria o Naproxeno e o pior deles, o Diclofenaco.


No Brasil, estes medicamentos estão entre os mais consumidos, sejam em apresentações isoladas ou associações, vendidos no varejo farmacêutico ou distribuídos no SUS. Estão entre os campeões de venda sem receita médica. Isso reforça a importância da Atenção Farmacêutica, como prática que visa a segurança do paciente através da farmacoterapia responsável.


HEALS Educação, mantendo você bem informado 😉


Fonte: El paíshttps://brasil.elpais.com/brasil/2017/03/16/ciencia/1489686038_579094.html?%3Fssm=FB_BR_CM&fbclid=IwAR0NLnp7JZ9mRoqt4lkh1BtR1XsYCV2ERvW0sBWAlcmYo9PmsDD8Upvi__4


#educacao #capacitacaoprofissional #desenvolvimentohumano #aprimoramento #coach #softskills #liderança #farmacia #nutricao #enfermagem #medicina #estetica #radiologia #biomedicina #quimica #biologia #fisioterapia #fitoterapia #plantasmedicinais #farmaciaclinica #farmacoterapia #healseducacao #ains #antiinflamatorio #riscos #paradacardiaca

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo