Imunidade: Os Fitoterápicos da Medicina Tradicional Chinesa.



Não é possível ignorar que nos tempos atuais a Covid-19 tornou-se centro das atenções, discussões e pesquisas em todo o mundo. A busca por medicamentos que eliminem o vírus e por recursos preventivos, como as vacinas, é intensa.


No contexto das medicinas tradicionais orientais, a prevenção é mais amplamente abordada que no ocidente, tendo em vista que a alimentação, por exemplo, é elemento indispensável como preventivo do adoecimento. E os fitoterápicos têm aplicação, além de curativa, preventiva, adaptogênica e imunizante.


Em artigo recentemente publicado no Chinese Journal of Integrative Medicine (abril/2020), com o título “Medicina Tradicional Chinesa pode ser usada para prevenção da covid-19? Uma revisão dos clássicos históricos, evidências de pesquisa e programas atuais de prevenção”, os pesquisadores revisaram os clássicos antigos da MTC e estudos em humanos, buscando registros históricos de prevenção e tratamento de doenças infecciosas, além de estudos em SARS e H1N1. As pesquisas foram feitas em bancos de dados que incluíram dados de ensaios clínicos, coorte ou outros estudos populacionais. Os participantes dos estudos avaliados foram profissionais de saúde que atendiam pacientes de SARS e H1N1 e contactantes de pacientes de H1N1, perfazendo mais de 30 mil pacientes.


Foram encontradas referências a formulações para prevenção de epidemias no Clássico de Medicina Interna HUANG DI, além de estudos recentes em SARS e H1N1. A estratégia basicamente foi a tonificação do qi, para proteger de infecções por agentes externos (patógenos). Nas fórmulas, as principais plantas encontradas foram o Astragalus membranaceus (Astrágalo), a Glycyrrhiza glabra (Alcaçuz) e a Saposhnikovia divaricata (uma espécie de cenoura).


Com base nos resultados de suas investigações, como a ausência de infectados por SARS e a chance de adoecimento por H1N1 significativamente menor (risco relativo de 0.36), os pesquisadores apontam potenciais benefícios das fórmulas da MTC na prevenção das infecções virais. As formulações têm sido distribuídas pelo governo à população em todas as regiões da China, desde fevereiro deste ano, com o intuito de minimizar os riscos de contrair a Covid-19.


Apesar de tudo, os pesquisadores reconhecem as limitações do estudo e defendem a necessidade de mais estudos prospectivos de eficácia e segurança, e não recomendam o uso em massa na população como prevenção, recomendando o uso restrito aos profissionais de saúde, devido a sua alta exposição. Para conhecer o artigo na íntegra, acesse o link https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/32065348


Abordaremos a planta Astragalus mebranaceus, em detalhes, nos próximos textos da HEALS Educação, sob a ótica da farmacologia ocidental e oriental, focando em trabalhos científicos que a classificam como imunomoduladora e adaptogênica.


HEALS Educação, mantendo você sempre bem informado 😉


Acesse o site e conheça nossos cursos https://www.healseducacao.com.br/shop


#educacao#capacitacaoprofissional#desenvolvimentohumano#aprimoramento#coach#softskills#liderança#farmacia#nutricao#enfermagem#medicina#estetica#radiologia#biomedicina#quimica#biologia#fisioterapia#fitoterapia#plantasmedicinais#farmaciaclinica#farmacoterapia#healseducacao#covid19#coronavirus#sepuderfiqueemcasa #mtc #medicinachinesa #fitoterapiaoriental #fitoterapiachinesa

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Heals logo final final..png
LINKS
CONTATO

atendimento@healseducacao.online

Tel.: (11) 99258-2622

Avenida Paulista 807, São Paulo

SOCIAL
  • LinkedIn ícone social
  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • Twitter