O uso da ivermectina é eficaz contra o coronavírus em seres humanos?



A ivermectina, um antiparasitário de amplo espectro, tem sido alvo de comentários e até mesmo indicado (não por órgão de saúde) para o tratamento de pessoas com diagnóstico positivo para coronavírus. Mas por que isso aconteceu?


Nos últimos anos a ivermectina tem sido estudada como antiviral e sim, demonstrou inibir a interação entre o vírus HIV-1 e proteínas de células humanas, assim como do vírus da dengue. Recentemente, foi demonstrado que a ivermectina também inibe o vírus SARS-CoV-2, causador do coronavírus. Mas todos esses estudos têm um fator em comum: foram realizados in vitro, ou seja, apenas em células cultivadas fora do organismo humano.


Pesquisadores relataram (link do artigo abaixo) que uma única dose de ivermectina (5 μM) 2 horas após a infecção por SARS-CoV-2 em células Vero-hSLAM (células de rim de macaco) foi capaz de causar a redução da formação do RNA viral (aprox. 5000 vezes) em 48 horas. Esse resultado é relevante e positivo e nos faz pensar na necessidade de estudos envolvendo mamíferos, para que de fato a eficácia desse fármaco para seres humanos, diagnosticados com coronavírus, possa ser comprovada.


HEALS Educação, mantendo você sempre bem informado 😉


Acesse nosso site e conheça várias opções de cursos feitos para você https://www.healseducacao.com.br/shop

#educacao #capacitacaoprofissional #desenvolvimentohumano #aprimoramento #coach #softskills #liderança #farmacia #nutricao #enfermagem #medicina #estetica #radiologia #biomedicina #quimica #biologia #fisioterapia #fitoterapia #plantasmedicinais #farmaciaclinica #farmacoterapia #healseducacao #coronavirus #covid19 #pandemia #ivermectina #sepuderfiqueemcasa


Fonte: https://reader.elsevier.com/reader/sd/pii/S0166354220302011?token=A6F9E46D1AAEC6CF722925977EF5B28E039939BF556E34DC8DBC3C9E6021B93BBC3E00DD990E381F40FC9059540E8741

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo